Os eventos da Imppacto são projeto gastronómico

Gastronomia

Cada evento da Imppacto é um projeto gastronómico assente no amor e na dedicação. Com uma cultura de trabalho incansável, a empresa é guardiã de várias técnicas e práticas aliadas a um conhecimento profundo sobre a preparação dos alimentos, a confeção dos pratos e a adequação perfeita aos vinhos mais indicados. Sob o signo do requinte e da qualidade, cada evento é um sopro de criatividade para que o olfato, o paladar, a visão e o tato se unam harmoniosamente em sabores únicos e formas consonantes. O objetivo, em última instância, é transformar cada garfada num privilégio renovado que vai permanecer na sua memória gastronómica. Apesar de poder abraçar desafios muito diferentes, nomeadamente no que diz respeito à cozinha do mundo, a gastronomia da Impacto tem por base a tradição portuguesa dos nossos antepassados renovada numa fusão com a cozinha contemporânea e com novos conceitos e técnicas em termos de apresentação. O resultado desdobra-se em menus variados e de exceção, sempre com um toque de classe e modernidade. Entre tantos pratos que vão fazendo a nossa história contam-se o chambão de vitela confitado a baixa temperatura numa redução de vinho moscatel e aromas campestres; o “brás” de alho francês em fundo de cebola roxa refrescado em leite de coco e pós de azeitonas desidratadas; a famosa pirâmide de peixes, mariscos e crustáceos em aveludado de açafrão das índias, a evocar a costa portuguesa e as viagens dos descobrimentos; ou também, porque a tradição às vezes ainda é o que era, um gelado de pudim Abade de Priscos sobre carpaccio de ananás macerado numa calda de especiarias.

 

Imppacto Evento & catring

Se pretende receber informações sobre os nossos produtos ou serviços não hesite em nos contactar.
Responderemos tão breve quanto nos for possível. Siga-nos nas redes sociais ou subscreva à nossa Newsletter.

Imppacto, Catering & Eventos
Rua do Botequim nº 17 A Lazarim 2820-664
Tel.: 212 962 365 / 212 971 020
Tlm.: 937 200 350 / 937 200 351 / 937 200 359
E.: info@imppacto.com

Quinta das Façalvas
Av. Visconde Tojal 91, 2950-430 Palmela
Tel.: 212 962 365 / 212 971 020
Tlm.: 937 200 350 / 937 200 351 / 937 200 359
E.: info@imppacto.com

Herdade de Monte Novo
Estrada Nacional 252, Pinhal Novo
Tel.: 212 962 365 / 212 971 020
Tlm.: 937 200 350 / 937 200 351 / 937 200 359
E.: info@imppacto.com

Palácio do Correio-Mor
2670-000 Loures
Tel.: 212 962 365 / 212 971 020
Tlm.: 937 200 350 / 937 200 351 / 937 200 359
E.: info@imppacto.com

Serviço de Catering com um chef excecional e proposta gastronómica – Imppacto

Catering

O serviço de catering é o elemento essencial de um evento: determina o seu grau de sofisticação e decide se vai ou não tornar-se inesquecível. A Imppacto aposta na organização de momentos especiais, desde a criação até ao resultado final. Do menu mais simples à degustação mais complexa, e considerando sempre o tipo de circunstância e o conceito que tem em mente, uma equipa experiente e um chef excecional encarregam-se de todos os pormenores, seguindo sempre as novas tendências que se enraízam nos sabores da cozinha tradicional, onde a seleção gastronómica concentra, antes de mais, frescura e sabor, estética e criatividade. Em formação constante e com um espírito de superação cujo objetivo é a excelência, a Imppacto desenvolve técnicas e métodos para responder a qualquer desafio, por mais invulgar que seja, por mais complexo que lhe pareça. A proposta gastronómica concretiza-se sempre com a seleção do vinho adequado para unir na perfeição vários sabores e personalidades. Pomos em prática o melhor que imaginou para os momentos mais especiais da sua vida, mas também temos os olhos postos no seu futuro: queremos ser o sabor da felicidade na sua história pessoal.

Imppacto, Catering & Eventos
Rua do Botequim nº 17 A Lazarim 2820-664
Tel.: 212 962 365 / 212 971 020
Tlm.: 937 200 350 / 937 200 351 / 937 200 359
E.: info@imppacto.com

imppacto-catering-eventos

Tróia romana com Rotas Do Sal

Ruínas-Romanas-de-Tróia

Ruínas-Romanas-de-Tróia/caption]

Tróia é uma das estações arqueológicas do período romano com mais interesse em Portugal.

Tróia era uma cidade industrial, cujos ocupantes se dedicavam à apanha de frutos do mar, mariscos e outros produtos, que, depois de preparados, eram enviados para os mais diversos centros de consumo do Império Romano.

Tróia, que terá surgido no 1º século dC, foi um dos mais importantes centros de salga de peixe de todo o Império Romano, atingindo o seu maior esplendor no século III dC, e tendo decaído no séc. IV dC com a queda de Roma e o desmoronar do Império.

Para além das inúmeras cetárias que testemunham ainda hoje essa actividade piscatória, existem no interior do complexo romano de Tróia diversas outras estruturas, nomeadamente uma basílica paleocristã, as termas, uma zona residencial, para além de um mausoléu e uma zona de sepultura

 

Rotas do Sals.

 

Organizar um casamento com Casa de Reguengos

1. Como organizar um casamento ? Fazer uma lista, é importante que não se esqueça de quando é que tem que fazer o quê. Use uma agenda física ou digital, como preferir, e registe tudo o que tem que fazer, nas datas certas. Quanto mais cedo tratarem das coisas, menos stressados vão estar às portas do casamento. O ideal é começar a planear com cerca de um ano ou seis meses de antecedência. Mas também é possível organizar tudo em apenas um mês. Pode é ter que fazer algumas cedências, porque os espaços para casamentos são muito concorridos. A não ser, claro, que case fora da época alta (há mais oferta e melhores preços!) 2. Antes de pensar nas flores, nos padrinhos e no número de convidados, é preciso definir um orçamento, deve segui-lo com rigor para que não se perca pelo caminho. 3. A seguir, é tempo de decidir que tipo de casamento pretendem. Civil ou religioso? Íntimo ou alargado? Tradicional ou arrojado? Isto vai marcar o tema do casamento. E quando falamos de tema, queremos dizer o tipo de cerimónia ou de festa. 4. O próximo passo é fazer a lista de convidados. Devem ter convosco as vossas pessoas, as testemunhas do vosso amor, aqueles que vos fazem sentir bem. 5. Com uma ideia do número de convidados, comece a procurar espaços para festa (12 ou 6 meses antes). Sugerimos que escolham um sítio relativamente perto de casa para que não percam tempo na viagem e, especialmente, para que termina a noite, os convidados não tenham ainda uma longa viagem pela frente. 7. Tão cedo quando possível, normalmente 12 a 6 meses antes, escolha o serviço de fotografia e vídeo. São tão, ou mais, concorridos do que os espaço para a festa. E, vá por nós, um bom profissional faz toda a diferença. O que fica deste dia são as fotografias e o vídeo. A seguir ao catering, é onde recomendamos que invista mais. 8. Seis meses antes, o mais tardar, a noiva tem que tratar do vestido de noiva e sapatos. Pode também marcar já maquilhagem, cabeleireiro, quaisquer tratamentos de beleza e o bouquet. Parece precipitado mas, se pretende um profissional específico, não corra riscos, sobre pena de perder a vez. Também é tempo de tratar das alianças, informar as empresas de cada um da novidade e começar a organizar a lua de mel, nas músicas para a cerimónia e copo de água. 10. Agora que já passaram a barreira dos seis meses, convidem os padrinhos e tratem do processo do casamento civil e religioso, se for o caso. É tempo do noivo tratar do seu fato, sapatos e acessórios. Está na hora de preparar os convites de casamento. Não é obrigatório mas, se possível, procurem manter uma coerência entre convites, menus e decoração. Assim, adjudiquem o trabalho gráfico a apenas uma pessoa. O resultado final é muito mais bonito. 12. Recomendamos que façam lista de casamento. Não é preciso entrar em loucuras e escolher copos de cristal ou pratos com fio de ouro. Sejam práticos. Coloquem apenas o que precisam e que seja acessível a todos os bolsos. Se possível, coloquem os dados da loja no convite. 13. Três meses antes, entreguem os convites. Se puderem fazer isto a dois e pessoalmente, tanto melhor. Especialmente se há convidados que não conhecem um dos noivos. 14. Se vai casar na Igreja, nesta altura contacte a florista para tratar da decoração dos altares. Ou faça você mesmo. Há tantas coisas diferentes que pode fazer! Especialmente se procura organizar um a casamento barato. 15. No último mês, definam o protocolo da cerimónia. O que é que acontece, quando, quem é que é responsável pelo quê e todos os detalhes bem definidos. Entregue cópias aos responsáveis pelo espaço, decoradores, fotógrafos e espere que tudo seja cumprido. É boa ideia incumbir os padrinhos deste controlo. 16. Por muito rigoroso que seja a organizar o casamento, há sempre algo que vai fugir ao seu controlo. A lista de convidados é o melhor exemplo. É certo que vai subir e descer até quase à hora da cerimónia. É certo. Por isso, basta definir as mesas nos últimos quinze dias.   Agende a sua visita e descubra a quinta ideal para o vosso evento.